quinta-feira, 29 de setembro de 2011

COSME E DAMIÃO - CULTO A OUTROS DEUSES



Como todos sabem, a tradição religiosa e popular de nosso país dedica o dia 27 de setembro para venerar a Cosme e Damião (mártires cristãos do século III) através da distribuição de doces. Os adeptos dos cultos afro-brasileiros também aproveitam esta data para cumprir sua "obrigações" com ibeji, entidade "protetora" dos gêmeos que, no sincretismo religioso, se associa a Cosme e Damião. O que passa despercebido da maioria da população, é que através da idolatria, estão, na realidade, cultuando a demônios que lançam sementes das trevas e de morte na vida de milhões de pessoas, e principalmente na vida das crianças, que são as que mais se envolvem através do consumo de doces oferecidos às entidades demoníacas.

A HISTÓRIA
Seguidores de Jesus Cristo, nasceram na Arábia, no terceiro século depois de Cristo, eram gêmeos e seus pais eram cristãos. Estudaram
na Síria, e se tornaram médicos. Eram "Anargiros" (inimigos do dinheiro), e não cobravam nada pelo trabalho que exerciam. Como trabalhavam de graça, começaram a ser muito conhecidos, atraindo muita gente para ouvir a mensagem que pregavam sobre o Salvador Jesus Cristo. Naquele mesmo tempo, Diocleciano era o Imperador Romano, homem perverso que nutria forte ódio por cristãos e mandou para a cidade de Egéia, onde estavam Cosme e Damião, um representante de nome Lísias. Sob o comando deste homem, começaram a torturar Cosme e Damião até degolá-los. Desse modo foram mortos no ano 283 depois de Cristo, não porque trabalhavam de graça como médicos, mas porque eram cristãos e por sua fama tornaram alvo do imperador Diocleciano. Lísias mandou que eles adorassem ou se ajoelhassem diante de algumas imagens. Porém, como seguidores de Jesus, nunca poderiam fazer isso.

Hoje, é vasto o número de crianças que, durante várias gerações, tem sido ensinada por seus pais, professores e parentes a fazer pedidos a Cosme e Damião, com o fim de obter ajuda em suas necessidades. A Igreja Católica, por sua vez, apregoa que esses santos são protetores das crianças, dos gêmeos e padroeiros dos médicos. É costume entre os católicos a distribuição de balas e doces para as crianças no dia 26 de setembro. Segundo o padre Michelino Roberto, "pelo calendário oficial da igreja, a festa é celebrada no dia 26. Mas o povo prefere 27, data da inauguração da basílica que o papa Félix IV mandou erguer para os dois em Roma, no ano 500"

A Bíblia diz: "Não farás para ti imagens de esculturas, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem embaixo na terra, nem nas
águas de debaixo da terra. Não te encurvarás diante delas, nem as servirás, porque Eu sou o Senhor, o teu Deus, sou Deus zeloso." (Êxodo 20.4,5) Foi então por obedecerem às ordens de Deus e não se encurvarem ou orarem às imagens, que eles morreram.

Que ironia diabólica, fazer imagens de Cosme e Damião para se curvar diante delas e pedir bênçãos e proteção.

Jesus disse "Eu sou o Caminho e a Verdade e a Vida. Ninguém vem ao Pai, senão por mim." (João 14.6)
Portanto sabemos que não adianta pedir nada a Cosme e Damião, a São João, São Paulo, Santa Maria ou outro "santo" qualquer. Buscamos somente a Jesus, o Filho de Deus! Foi Ele quem morreu por nós numa cruz, ressuscitou ao terceiro dia e hoje roga a Deus por nós (I Timóteo 2.5; I João 2:1).

Recorrer ao auxílio de algum santo (neste caso, Cosme e Damião), isso implica que Cristo é insuficiente, tanto para salvar como para abençoar as nossas crianças e os profissionais da área da medicina.
A oração é uma forma de culto. E foi o Senhor Jesus quem disse: "Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele darás culto" (Mt 4.10). Não devemos ser levados por filosofias vãs (Cl 2.8), antes, prestar o nosso culto racional a Deus (Rm 12.1). Devemos, isso sim, nos desvencilhar dos preceitos de homens (Mc 7.7), para que não ofereçamos a Deus um culto vão (1 Co 10.19-20).

Pegar doces nesse dia torna-se algo errado porque a maioria das pessoas que fazem essa distribuição estão presas a promessas feitas
a estas imagens e esses doces são oferecidos aos "santos" em algum terreiro de candomblé ou centro espírita como pagamento dessas promessas.

Esses que parecem ser "santos" nos terreiros ou centros, são na realidade demônios (ajudantes do diabo que estão enganando tais pessoas) I Corintios 10.19,21)".

Fonte: Enciclopédia Universal Ilustrada Europeo-Americana - Volume 15, páginas 1140-1142.,
http://www.jesussite.com.br/acervo.asp?id=758

4 comentários:

  1. o loko, tudo isso?qd eu naci minha mãe me oferto pra eles,to na roça. so evangelico a 5 anos e num sabia disso.

    ResponderExcluir
  2. Você tem mais material sobre esse tipo de assunto "outros deuses"? estamos montando um material sobre libertação de deuses ocultos e precisamos de ajuda. vou mandar por email o que estamos fazendo e você ve se pode me ajudar.

    ResponderExcluir
  3. Cada uma que a gente tem que ouvir.Sou espírita e minha entidade é justamente os dois, só vejo eles fazendo o bem, cuidado com o que publica, porque quem faz o bem também pode fazr o mal.

    ResponderExcluir
  4. É lamentável o tamanho a Ignorância humana, usando as escrituras da forma mais imunda que tem, julgando o seu próximo e se intitulando como salvador. A própria Bíblia foi manipulada pelos homens esses anos todos! Lembre-se que existem espíritos divinos que fazem parte de uma fonte única! Pai-Filho e Espírito Santo de Deus! Temos em nós a fonte viva em nossos espíritos, Deus vive em nós, então fazemos parte desta árvore!
    Então qualquer espírito que diz fazer o bem não sendo Jesus é um demônio? Sois cegos, surdos e mudos!!!!! O próprio Cristo nos ensinou, se tiverdes fé do tamanho de um grão de mostarda podereis mover montanhas...!!!!
    Hora Deus é o criador onipotente! Não cai uma folha de uma árvore sem que meu pai de permissão!!! Então Não julguem pelas aparências mas julguem pela reta justiça! Justiça divina de Deus!!!

    "Eu irei ao pai, mais virá o consolador que falará através de vós!!!!!"

    ResponderExcluir